Fórum para discussão de todo o universo Geek: Seriados, filmes, quadrinhos, livros, games e muito mais.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Geral » Taverna » Interatividade - Jogos & RPGs » RPG » 

Mesa #004 - Made to Suffer

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 4 de 4]

76 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Dom Abr 10 2016, 21:10

Dwight

─ Eu não tenho um teto ─ Lena puxou a mochila que carregava nas costas e de dentro tirou uma manta dobrada. ─ Durmo sobre isso, em qualquer lugar propício ─ ela suspirou, era visível o desânimo de sua parte quanto àquela conversa. ─ Vocês não conseguiram essas armas sozinhos, nem eu consegui, confesso que peguei o rifle do falecido. E também confesso que observei alguns de vocês quando chegaram aqui, peço perdão pela mentira. Se não querem me levar até o grupo, nós nos damos as costas e seguimos nossos caminhos. Mas eu levarei este viado, queira ou não.

O indicador de Ellie já envolvia o gatilho, mesmo que a mulher não o tenha notado.
─ Não há necessidade de qualquer disputa, tem viado o suficiente para todo mundo. ─ Ele sabia que se ficasse quieto as coisas ficariam violentas, tinha de intervir. ─ Você pode vir conosco, mas não pense nem por um segundo que as coisas funcionam sob os seus termos. Se você vem nos observando sabe que somos boas pessoas, por Cristo, a gente tem uma porrinha de uns 10 anos no nosso grupo, só cuidamos uns dos outros e tentamos sobreviver. ─ Seu olhar era invasivo, ela teria de saber que aquilo era a verdade. ─ Se você vir, sua arma virá conosco, ninguém vai usá-la e você a terá de volta quando a julgarmos digna de confiança, e só então. Nós somos a melhor chance que você tem de sobreviver, eu não consigo nem imaginar a merda que é vagar por aí sozinha em meio aos mortos, mas você vai ter de confiar para conseguir a nossa confiança.  Agora, se preferir tentar roubar a nossa caça à força... ─ Matt deu uma pequena pausa, como se escolhesse as palavras com cuidado. ─ Então que Deus tenha piedade de sua pobre alma quando encontrá-lo pessoalmente.

Levou a boca o cigarro que a tempos repousava entre seus dedos, segurando um pouco da fumaça na boca e soltando-a ao vento. Um breve momento de silêncio se fez, a desconfiança entre os três era palpável.

─ E então, Lena? Você pode fazer amigos e sobreviver ou ir pelo caminho mais difícil que envolve um matar ou morrer que não é benéfico para nenhum dos lados. ─ Esticou a mão esperando que ela entregasse a arma. ─ Amigos? ─ Por fora, sorria, mas no fundo esperava que, caso ela optasse pela segunda opção, Ellie fosse rápida o suficiente no gatilho.



Ver perfil do usuário http://filmow.com/usuario/lamb

77 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Dom Abr 10 2016, 23:54

Prime

Lena sorriu para o casal, puxou o rifle pela bandoleira e o entregou.

─ Amigos.

Até então, o caminho de volta para o acampamento tinha sido silencioso. Mas a quietude acabou para Matt quando ele ouviu um latido ─ ele perguntou às duas moças se elas tinham ouvido aquilo, mas elas simplesmente balançaram a cabeça em negação. Matt então entregou o rifle para Ellie e a deixou para que levasse a mulher. O latido soou duas ou três vezes enquanto o padre caminhava em sua direção, e quando finalmente encontrou sua fonte, deparou-se com algo inusitado: rosnando, um vira-lata marrom protegia-se dentro dum pedaço de tronco oco. Dois infectados tentavam pegar o cachorro, esticando suas mãos com esforço em meio aos grunhidos. Um deles notou a presença do rapaz e começou a caminhar furioso em sua direção.

Matt [Dwight]
HP: 100/100
Vestimentas: Camisa social preta, com o colarinho de reverendo no pescoço e calças de mesma cor.
Armas: Canivete táticoAR-15 sem balas; Faca.

Mapa: http://i.imgur.com/a9zhWSM.png




Os pinheiros a cercar Kyle lembravam-no da imensa horda de mordedores na qual aventurou-se alguns dias atrás. Sem rumo ele caminhava, sempre de olhos no chão e pensamentos distantes; sentou-se na beira de um córrego estreito e ali ficou, encarando a água que corria mansa, trazendo-o um sossego que terminou rápido: um enorme grupo de infectados brotou por entre os pinheiros do outro lado. Kyle levantou-se, mas era tarde demais: um mordedor exótico postava-se em sua frente. Carcaças estranhas cresciam de dentro da cabeça, dos braços e do peito, e emitia sons diferentes dos demais. 

Kyle [Josh] 
HP: 100/100 
Vestimentas: Calça jeans preta e camiseta branca com uma camisa cinza por cima.
Armas: M1911 3 balas

Mapa: http://i.imgur.com/FdC9vkO.png




Quando Matt deixou sua companhia sem explicações, Ellie estranhou, mas continuou seu caminho. Nas costas, levava o rifle da desconhecida na qual sempre deixava os olhos atentos; nas mãos, o fuzil. 

─ Talvez eu precise desse rifle de volta ─ falou Lena, olhando por entre os pinheiros. Um grupo grande de infectados começava a cercá-las, e a mulher ao lado teve de puxar sua faca e fincar no primeiro mordedor que arriscou-se. Olhando para o lado, Ellie viu dois mordedores correndo em sua direção.

Ellie [Babi]
HP: 100/100
Vestimentas: Regata de gola alta vermelha, sobreposta por uma jaqueta de couro preta.
Armas: USP 9 balas; M16 5 balas no pente; Facão velho.

Mapa: http://i.imgur.com/rHv3ok4.png



Ver perfil do usuário

78 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Seg Abr 11 2016, 19:04

Josh

As árvores altas tocavam o céu azulado e as poucas nuvens existentes. Costumava olhar muito para elas durante suas noites de vigia. Sem conseguir dormir, acabou se tornando o vigia permanente do grupo. Era estranho durante à noite estar sozinho e vigiando a escuridão, enquanto todos os outros estavam dormindo. Ficava o tempo todo alerta, sempre achando que iria surgir algo do nada e atacá-los. Por fim, felizmente, nada veio.

Agora caminhava pela floresta em busca de qualquer sinal de infectados ou mesmo sobreviventes. Não queria ser surpreendido e procurava ver qualquer sinal de qualquer coisa, até mesmo de animais que poderiam ser perigosos. Aparentemente estando no leste do acampamento, encontrou o córrego que levava ao riacho, demonstrando que não estava tão longe assim de onde viera.

Após perder sua atenção ao observar as águas transparentes se movimentando, foi pego de surpresa quando infectados surgiram do nada e sem fazer nenhum barulho do outro lado do córrego. Mais infectados surgiam dos lados e quando virou-se um já estava em sua frente, com aparência diferente dos demais. Não sabia como tudo aquilo tinha acontecido de forma tão ligeira, mas sabia que tinha que pensar rápido, pois sua vida - e do grupo, dependiam disso.

Se eu correr de volta para o acampamento eles vão me seguir e atacar todo o grupo, pensou. Não posso deixar isso acontecer. Sem pensar duas vezes, Kyle se afastou de onde estava e tentou desviar do infectado que estava em sua frente, correndo para a direita. Após isso, ao invés de ir para o caminho que levava ao grupo, procurou ir mais para o leste e norte, mas de forma lenta o suficiente para fazer os infectados o seguirem. Gritava para que eles o ouvissem e seguissem, sempre bem alto para chamar a atenção de absolutamente todos, que acabavam indo na maré e formando um grande grupo.

Andava sempre entre leste e norte, no sentido contrário do acampamento e do córrego, respectivamente. Irei afastá-los o máximo que puder e depois tentarei escapar. Pelo menos, espero conseguir escapar.




 
Spoiler:

Ver perfil do usuário http://forumgeek.forumeiros.com

79 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Ter Abr 12 2016, 22:58

Babi

Olhou para o lugar que Lena olhava com curiosidade. Matt tinha acabado de deixa-las e agora tinha entendido o porque e isso a deixou preocupada com o homem. Viu alguns infectados entre as arvores indo cercar as duas mulheres.

─ Talvez eu precise desse rifle de volta- Disse Lena antes de enfiar sua faca na cabeça de um dos monstros que correu para cima delas. Porra. Olhou rapidamente para o rosto da mulher, não deveria confiar nela, mas talvez fosse a única maneira de sobreviverem em meio a tantas daquelas coisas. Soltou a bandoleira do rifle que carregava as costas e jogou para ela.

─ É melhor que não tente algo estupido. - Disse virando-se para onde viu dois infectados correndo em sua direção. O pequeno barulho de sua pistola se destravando logo se transformou no barulho de dois tiros que ecoaram pelo bosque. Um tiro para cada um e os dois estavam no chão mais sem vida que antes. Virou-se para a mulher e falou com pressa. A esse ponto esperava que as pessoas do acampamento tivessem ouvido os tiros, pretendia que fossem o mais breve possível pra sair daquela horda - Se você quer sobreviver melhor me seguir. - Terminou puxando o facão e correndo o mais rápido que pode para o acampamento, preparada pra enfiar a arma na cabeça de qualquer ser que entrasse em seu caminho. Espero que você também tenha ouvido, Matthew



Ver perfil do usuário

80 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qua Abr 13 2016, 14:38

Dwight

O cachorro rosnava de dentro de um tronco oco. Uma dupla de mordedores tentavam chegar até ele, grunhindo e espremendo-se por entre a madeira, até que um deles se virou com a sua chegada. Matt sacou a faca e agarrou-lhe pelo colarinho, encravando-a por entre os olhos até que a criatura despencasse sem vida. O segundo foi alertado com a movimentação, jogando-se impulsivamente para cima dele. O pregador tentou afastar-lhe com o braço esquerdo enquanto o direito manejava a faca, foram três apunhaladas rápidas: a primeira atravessou seu pescoço, sem causar nenhum diferença notável; a segunda rasgou-lhe o olho, arrancando-o ao removê-la; e a terceira penetrou-lhe na lateral da cabeça, afundando-a o mais profundo que pode enquanto o infectado ainda esboçava qualquer movimento.

Se aproximou do cão ao fim da confusão a procura de quaisquer ferimentos, afagando-lhe a cabeça ao não encontrar nada.

— Tu quase se fodeu, mano. — Sua pelugem era acinzentada, e um lenço vermelho estava amarrado ao seu pescoço. — Procura briga com alguém do seu tamanho.

Sua atenção foi retomada pelo som de disparos vindos da direção em que ele deixara as duas mulheres, fazendo-o levantar rapidamente e pondo-se a correr até o local. Assoviou, na esperança de que o cachorro o seguisse, mas a sua principal preocupação agora era com Ellie.



Ver perfil do usuário http://filmow.com/usuario/lamb

81 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qua Abr 13 2016, 21:37

Prime

@Babi escreveu:O pequeno barulho de sua pistola se destravando logo se transformou no barulho de dois tiros que ecoaram pelo bosque. Um tiro para cada um e os dois estavam no chão mais sem vida que antes. Virou-se para a mulher e falou com pressa. A esse ponto esperava que as pessoas do acampamento tivessem ouvido os tiros, pretendia que fossem o mais breve possível pra sair daquela horda - Se você quer sobreviver melhor me seguir. - Terminou puxando o facão e correndo o mais rápido que pode para o acampamento, preparada pra enfiar a arma na cabeça de qualquer ser que entrasse em seu caminho. Espero que você também tenha ouvido, Matthew

Você precisa tirar 8 para acertar os tiros.

http://prntscr.com/arytvw +1

Ellie eliminou os mordedores com rapidez e seguiu para o acampamento acompanhada de Lena, que sempre parava a corrida para mirar em alguma ameaça e atirar.

@Dwight escreveu:O cachorro rosnava de dentro de um tronco oco. Uma dupla de mordedores tentavam chegar até ele, grunhindo e espremendo-se por entre a madeira, até que um deles se virou com a sua chegada. Matt sacou a faca e agarrou-lhe pelo colarinho, encravando-a por entre os olhos até que a criatura despencasse sem vida. O segundo foi alertado com a movimentação, jogando-se impulsivamente para cima dele. O pregador tentou afastar-lhe com o braço esquerdo enquanto o direito manejava a faca, foram três apunhaladas rápidas: a primeira atravessou seu pescoço, sem causar nenhum diferença notável; a segunda rasgou-lhe o olho, arrancando-o ao removê-la; e a terceira penetrou-lhe na lateral da cabeça, afundando-a o mais profundo que pode enquanto o infectado ainda esboçava qualquer movimento.

Você precisa tirar 9 para matar os dois mordedores.

http://prntscr.com/aryvnu

Após finalizar os dois infectados, Matt ouviu os disparos e levantou-se para segui-los. Com um assovio, o cachorro pôs-se a caminhar ao lado do padre.



Ver perfil do usuário

82 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qua Abr 13 2016, 23:43

Prime

Kyle


Até então, tinha se saído bem na missão de agrupar os mordedores e atraí-los para longe do acampamento, de seus companheiros e, principalmente, de sua irmã. Os infectados fitavam-no com olhos mortos, tão acinzentados quanto um dia nublado; tentavam agarrá-lo com seus braços em decomposição, enquanto outros sequer podiam usufruir de um, mordendo o ar em desespero. Vez ou outra via-se sem possibilidades a não ser usar a arma, e então disparou as suas únicas três balas e ao soar o clic, o desespero adentrou, por um momento arrancando toda aquela coragem e disposição com as quais decidiu ajudar o grupo. 

Mas repentinamente, teve ouvidos para apenas uma coisa:

─ Kyle! ─ a voz de Jill lutava para ecoar por entre os mortos. ─ Kyle!

─ Jill! ─ gritou ele de volta, levantando a mão da pistola para o alto e recuando ainda mais do cerco que se fechava ao redor. Viu duas cabeças explodirem simultaneamente à esquerda quando o calibre pesado da sniper da irmã as acertou. Kyle não poderia contar quantas criaturas caminhavam em sua direção, porém, o desânimo se foi e, enquanto avançava, o rapaz começou a distribuir coronhadas em quem aparecesse em seu caminho ─ eram longe de fatais, mas suficientemente fortes para atrasá-los. 

─ Volte para o acampamento, agora! ─ finalmente tinha conseguido sair do cerco. Caminhando por entre os pinheiros, procurava os cabelos loiros da irmã no meio das inúmeras criaturas. Jill tentava recarregar o longo rifle ao passo que um infectado veloz pulava sobre ela e mordia-lhe o ombro, cortando e puxando pele e carne com os dentes. Kyle correu, puxou o maldito pelo braço e mergulhou a arma em sua cabeça até que sobrasse apenas um amontoado de carne revirada. 

─ Não, não... ─ murmurava ele para a irmã, ajoelhando-se no chão ao lado dela e acariciando-lhe os cabelos. Fitaram-se os dois: a expressão mais triste que Jill já vira no irmão desenhava-se agora em seu rosto borrifado de sangue. Os lábios dele retorceram-se e uma lágrima desceu rápida. 

─ Você precisa ir, Kyle ─ disse ela, revelando um rasgo na barriga ao tentar estancar o sangramento com a mão. 

E, de fato, ele precisaria ir: quando olhou ao seu redor, estava cercado outra vez. 

O grupo no acampamento


Hans observava a floresta de coníferas por de cima do trailer. Ao ver o padre chegando com Ellie e uma desconhecida, levantou-se e desceu para entender aquilo.

─ Quem é ela? ─ perguntou, repousando a mão sobre a arma na cintura.

─ Topamos com ela na floresta, mas isso não importa por agora. Tem uma caralhada daquelas criaturas vindo diretamente pra cá ─ Matt caminhou até a tenda das armas e procurou por pentes de munição, mas não achou. 

─ Uma horda? ─ Jennifer questionou e aquilo atraiu a atenção do grupo no riacho.

─ E não é das pequenas.

─ Não temos balas ─ lamentou ela, revirando as caixas vazias de munição sobre a mesa. ─ E nossa situação já é precária.






Dwayne [Guliel]
HP: 110/110
Vestimentas: Camisa social amarela sob jaqueta jeans, calças do mesmo tecido.
Armas: Baioneta M9

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.

James [Chris]
HP: 120/120
Vestimentas: Camisa preta de manga longa sob uma camiseta cinza, calça jeans.
Armas: P250 4 balas

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.

Kyle [Josh] / Jill [NPC]
HP: 100/100 HP: 30/90
Vestimentas: Calça jeans preta e camiseta branca com uma camisa cinza por cima.
Armas: M1911 sem balas

Kyle está cercado por um grupo de mordedores que cresce cada vez mais. Deve escolher entre deixar sua irmã e fugir a tempo, ou tentar levá-la consigo até o acampamento.

Robert [Gabriel]
HP: 100/100
Vestimentas: Um blazer negro, embaixo uma camisa social azul marinho com uma gravata bem ajustada na gola.
Armas: Glock 15 balas.

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.

Ellie [Babi]
HP: 100/100
Vestimentas: Regata de gola alta vermelha, sobreposta por uma jaqueta de couro preta.
Armas: USP 7 balas; M16 5 balas no pente; Facão velho.

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.

Matt [Dwight]
HP: 100/100
Vestimentas: Camisa social preta, com o colarinho de reverendo no pescoço e calças de mesma cor.
Armas: Canivete táticoAR-15 sem balas; Faca.

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.

Hans [Mr. F]
HP: 90/90
Armas: P2000 6 balas.

Você está do lado da tenda junto dos seus companheiros.




O mapa (só um esboço que a Jennifer fez pra situar o grupo) tá em cima da mesa dentro da tenda (que é tipo isso). Decidam-se sobre qual rumo seguir e, dependendo da escolha, vai influenciar no ritmo do jogo: arriscarem-se cidade adentro, pra ir pra torre; ou fugir pela floresta outra vez. Logicamente: ir pela floresta é mais seguro, porém o que vão encontrar nela é incerto pros personagens; na cidade, vocês já sabem o que vão encontrar e onde ir, apesar de ser mais arriscado devido à infestação ─ ou não, visto que as hordas se movem. Questionem a Lena também, se quiserem. 



Ver perfil do usuário

83 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qui Abr 14 2016, 00:38

Chris

─ Uma horda? ─ Jennifer questionou e aquilo atraiu a atenção do grupo no riacho.

Sawyer e os outros olharam para o grupo que discutia algo, que até então o loiro não dera atenção. Se levantou e foi na direção deles para ouvir o restante da conversa.

Notou a presença da mulher que viera com Matt e Ellie, e até mesmo um cachorro.

─ Abrimos vagas para o nosso clubinho? ─ disse para ninguém em específico.

Não pudera deixar de dar um sorriso de canto para a tal Lena quando a mesma notou sua presença.

─ Não temos balas. E nossa situação já é precária. ─ disse Jennifer.

─ Bem, o que estamos esperando então. Vamos todos nos... ─ ia dizendo quando notara a ausencia de Kyle e Jill no local. ─ Pra onde diabos foram os Supergêmeos?



Ver perfil do usuário

84 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qui Abr 14 2016, 01:43

Josh

[audio]VEpMj-tqixs[/audio]

Sua audição não existia mais naquele momento. Jill estava morta em seus braços, sua irmã, aquela que conviveu com ele durante tantos anos, a primeira pessoa que ajudou durante o apocalipse, a pessoa mais próxima de si durante a infância e adolescência. Agora não pôde mais ajudá-la. Havia se arriscado por ela, mas em vão. Por que veio até aqui, Jill? Agora estava sozinho no mundo, sem saber o que fazer, por que viver, sem rumo ou destino.

Olhou para o rosto de Jill pela última vez. Ela já estava morta segundos antes dele perceber. Olhou ao redor e viu que também estaria morto ao redor se não fugisse dali. Os infectados iam na sua direção, com apenas expressão de fome e desespero. Deixar Jill ali seria deixar ela se transformar em um infectado, mas não tinha tempo para levá-la até outro lugar. Não tinha tempo para mais nada.

Levantou-se, deixando o corpo de Jill suavemente no chão. Estava muito calmo e relaxado, como se a situação não tivesse afetado seu estado comportamental. Sabia que entrar em desespero poderia significar a morte. Caminhou em direção ao acampamento, sem pressa, como se não tivesse medo de morrer ali. Quando um infectado chegou em sua direção achando que estava vulnerável, Kyle utilizou todas as suas forças para acertar-lhe um golpe na cabeça com a arma, suficientemente forte para fazê-lo virar o rosto e perder um pouco o equilíbrio, afastando-se para trás para não cair. Continuou andando, fazendo a mesma ação com outro infectado, com outro, mais outro... até que avistou o acampamento a poucos metros. Sua roupa já estava bem ensaguentada, assim como seu rosto, que agora estava com uma expressão triste e olhar distante. Tinha se distanciado um pouco dos infectados que o seguiam, mas em poucos minutos eles já chegariam ali.

Quando chegou do nada no grupo, coberto de sangue, percebeu novos membros, mas não havia se importado muito.

— Temos que ir. Não há mais tempo - seu rosto calmo e um pouco distante deixava claro o que havia acontecido com Jill para os mais atentos que o observavam.




 
Spoiler:

Ver perfil do usuário http://forumgeek.forumeiros.com

85 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qui Abr 14 2016, 09:47

Gulielmus

— Como vocês vão cozinhar eles? Vai demorar muito? Eu posso ficar vendo? Estou com muita fome... — Olivia não parava de importunar a dupla com suas incansáveis perguntas, enquanto os ajudava a levar os frutos da excelente pescaria daquela manhã. Dwayne divertia-se com toda aquela empolgação, relembrando diversos momentos parecidos que tivera com o filho quando ele tinha aquela idade, principalmente durante algumas pescarias que tiveram juntos. Trocou um olhar com Robert, a respondendo:

— Primeiro a gente vai ter que limpar eles, mocinha, e eu acho que você não vai querer ver isso... Porra, nem eu quero. Você viu os acidentes que podem acontecer, não viu? — soltou um riso, referenciando ao dia anterior quando se lambuzou com as entranhas de um peixe que tentava limpar. Jennifer falou com a filha de longe: 

— Ele tá certo, filha, não quero ter que limpar mais roupas sujas com tripas de peixe... 

— Que isso, pode deixar que eu limpo, a cagada foi minha. — o homem abriu um sorriso e a mandou um aceno, recolhendo o peixe que a menina carregava e o botando dentro de seu balde.

— Nossa vocês pegaram bastante, deve dar pra essa semana inteira se a gente racionar bem. — ela comentou. 

— Porra, se você preparar um peixe tão bom quanto o de ontem, acho que eles não duram nem dois dias... Não comia tão bem assim faz tempo, você tem um talento e tanto aí, moça. — ela riu. Aquela breve conversa, porém, foi interrompida quando o padre e Ellie, que depois de todos aqueles tiros, voltaram para o acampamento de mãos vazias, com um cachorro e uma estranha, que Dwayne fechou a cara quando viu. 

─ Topamos com ela na floresta, mas isso não importa por agora. Tem uma caralhada daquelas criaturas vindo diretamente pra cá ─ Matt passou pelo trailer, caminhando até a tenda das armas e procurando por pentes, enquanto se explicava. 

─ Uma horda? ─ Jennifer questionou, enquanto Dwayne e o resto se aproximaram. 

─ E não é das pequenas.

─ Não temos balas ─ lamentou ela, revirando as caixas vazias de munição sobre a mesa. ─ E nossa situação já é precária.

─ Merda, a gente devia gastado mais tempo com o reconhecimento da região, quem sabe a gente teria notado que tinha tantos deles por perto. ─ ele comentou, se aproximando deles enquanto Jennifer recolhia o mapa que havia feito na noite passada, o pondo sobre a mesinha abaixo da tenda. Dwayne só deu mais uma breve examinada antes de voltar a falar. ─ E o Kyle? Eu vi a Jill entrando no mato atrás dele, não seria melhor esperar... ─ foi interrompido pelo próprio, que voltou ensanguentado e sozinho, evidenciando o destino de sua irmã. Ele os apressou, sem querer se estender no ocorrido, o que o negro respeitou, apenas lhe entregando um olhar de condolência antes de retomar o assunto:

─ Merda... Então vamos vazar daqui, eu acho que voltar pra cidade é uma boa, mas talvez não agora. Vocês precisam de um pouco de descanso depois de toda essa bosta, e voltar pra aquele inferno de estomago vazio não é a melhor das opções. A caça pode não ter dado muito certo, mas esses peixes que pegamos devem dar pro gasto... ─ apontou para o trajeto que preferia seguir no mapa, continuando. ─ Vamos seguir mais pra dentro do bosque, preparar uma refeição e depois partir em rumo a cidade. O que essa horda mostrou pra gente, é que essa região não é tão pacata quanto a gente pensou... ─ olhou para a novata. ─ ... nem desabitada. ─ pensou em comentar sobre o fato de ela estar armada, mas resolveu deixar aquilo para depois no trailer, se estendendo apenas em trocar um breve olhar desconfiado com Robert. 



 

Ver perfil do usuário

86 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Qui Abr 14 2016, 12:26

Luckwearer

Surpreendeu-se com o casal surgindo das árvores de repente, ainda mais pelo rosto novo entre eles, olhou-a com desconfiança e logo o grupo começou discutir sobre uma horda que aproximava-se rapidamente, e num certo momento surpreendeu-se novamente ao ver o homem solitário chegar ensanguentado, após ele e a irmã terem saído juntos. Reparando melhor na situação de suas roupas e na expressão em seu rosto, não demorou muito para lançar um olhar triste à ele, então voltou sua atenção as palavras de Dwayne, escutando-as com atenção, e principalmente sua olhadela. Naquele momento não teria tempo de questionar a mulher, muito menos vontade de confiar nela, e tudo isso piorava quando uma péssima sensação de não estarem sozinhos na floresta eclodia dentro de si.

- Então, que seja, iremos adentrar mais a floresta - concordou com o amigo. - Melhor subirmos no trailer logo, antes que surjam. Talvez possamos encontrar uma área elevada para observarmos a cidade e o que nos cerca.





Ver perfil do usuário

87 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Sex Abr 15 2016, 09:17

Mr. F

─ Quem é ela? ─ perguntou, repousando a mão sobre a arma na cintura.
─ Topamos com ela na floresta, mas isso não importa por agora. Tem uma caralhada daquelas criaturas vindo diretamente pra cá. - Matt caminhou até a tenda das armas e procurou por pentes de munição, mas não achou.

Observou Matt saindo enquanto chegavam os outros, a discussão que se iniciou não interessava, afinal o trailer era dele e faria o que bem entendesse.

- Desarmem a estranha. - Disse. - Levantem acampamento rápido, temos que sair daqui. - Completou.

Logo após as palavras se dirigiu ao trailer, pensamentos começaram a  bombardear sua cabeça, se ele estivesse sozinho isso aconteceria? Não era tempo para pensar tanto, sentou no banco do motorista, deu a partida e o trailer ligou. Não ia esperar tanto, em poucos minutos o veiculo estaria cercado.

Imaginou que todos do grupo já estavam ao redor do carro, não havia tempo a perder, fitou a porta atrás dele com olhar apressado esperando a primeira figura que adentraria.

- Não esqueçam do veado! - Gritou para os que estavam fora.




Ver perfil do usuário

88 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Sex Abr 15 2016, 13:06

Gulielmus

─ Desarmem a estranha. ─ Hans se pronunciou antes de entrar no trailer, mandando aquilo que alguns queriam ter falado antes. ─ Levantem acampamento rápido, temos que sair daqui. ─ e partiu para dentro, não dando chances de discussão, ou pelo menos não querendo.

─ Bem, eu faria isso um bate-boca tranquilamente, mas eu concordo. ─ se aproximou da mulher, puxando a arma de suas mãos bruscamente. Depois partiu para o trailer, após ajudar a erguer as tendas e a guardar os mantimentos do lado de fora. Subiu junto de Jennifer, que puxava Olivia pela mão. Quando viu que elas estavam a salvo, se aproximou do motorista e falou:

─ Parte pra dentro da floresta! ─ notou como Hans pareceu aéreo durante o planejamento, então, por via das dúvidas, achou melhor lembrá-lo para onde aquele grupo iria. Voltou para o assento de trás, se sentando próximo a Jennifer, que parecia bastante nervosa com a situação. ─ Relaxa, a gente vai sair dessa, tá me ouvindo?  ─ segurou a mão dela. ─ Eu tô aqui por você.



 

Ver perfil do usuário

89 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Sex Abr 15 2016, 23:31

Prime

Conforme o grupo entrava no trailer, os grunhidos soavam mais altos, cercando-os de pouco em pouco. Jennifer deu um sorriso de canto para Dwayne, agradeceu as palavras de segurança e afastou sua mão da dele; no meio da viagem, Olivia recolheu-se nos braços da mãe: encarava Kyle limpando o sangue em sua roupa, mas não estranhava, pelo contrário, aquilo para ela agora era comum. 

─ Para onde estamos indo?

─ Eu não sei, querida, mas vamos ficar bem.

A menina não mudou sua expressão ─ esperava uma resposta parecida ─, apenas distanciou-se e sentou-se ao lado da janela à frente. 

─ Você tem todo o direito de zangar-se, mas a culpa não é minha, Olivia ─ disse Jennifer após aproximar-se.

─ Por quanto tempo você vai continuar mentindo, mãe?! ─ resmungou Olivia, atraindo toda a atenção do grupo. Lena arqueou uma sobrancelha e lançou uma olhadela curiosa para Dwayne, que há pouco tempo havia tomado o rifle de suas mãos. 

Jennifer não gostou da atitude da garota e a repreendeu, rígida:

─ Todos nós estamos estressados e decepcionados, mas você não deve colocar tudo pra fora dessa maneira. 

Olivia a fitou com desgosto. 

─ Você sabe do que eu tô falando. 

─ Não, eu não sei, e ficaria grata se a mocinha me contasse o que é. 

─ Eu não sou uma mocinha. E tenho nojo das suas mentiras! 

Jennifer balançou a cabeça em lamento e voltou para seu lugar, sendo alvo de diversas encaradas vindas de Lena. A garota virou-se bruscamente para a janela: seus olhos encheram-se de água e fecharam-se para um sono que durou até o momento em que pararam. 

─ Gasolina morreu ─ anunciou Hans. ─ Nossa sorte é que temos onde procurar, me parece que chegamos num bairro deserto, afastado da cidade.

O cenário era desértico: aos poucos, a vegetação começava a brotar pelas calçadas e pelo asfalto; corpos apodreciam dentro dos carros abandonados que espalhavam-se pela rua e nenhum sinal de vida podia ser visto. Existia um mercado à esquerda, um bar à direita e uma área residencial mais à frente.




Mapa: http://i.imgur.com/GKKEgJH.png

Dwayne [Guliel]
HP: 110/110
Vestimentas: Camisa social amarela sob jaqueta jeans, calças do mesmo tecido.
Armas: Baioneta M9

James [Chris]
HP: 120/120
Vestimentas: Camisa preta de manga longa sob uma camiseta cinza, calça jeans.
Armas: P250 4 balas

Kyle [Josh] 
HP: 100/100 
Vestimentas: Calça jeans preta e camiseta branca com uma camisa cinza por cima.
Armas: M1911 sem balas

Robert [Gabriel]
HP: 100/100
Vestimentas: Um blazer negro, embaixo uma camisa social azul marinho com uma gravata bem ajustada na gola.
Armas: Glock 15 balas.

Ellie [Babi]
HP: 100/100
Vestimentas: Regata de gola alta vermelha, sobreposta por uma jaqueta de couro preta.
Armas: USP 7 balas; M16 5 balas no pente; Facão velho.

Matt [Dwight]
HP: 100/100
Vestimentas: Camisa social preta, com o colarinho de reverendo no pescoço e calças de mesma cor.
Armas: Canivete táticoAR-15 sem balas; Faca.

Hans [Mr. F]
HP: 90/90
Armas: P2000 6 balas.



Última edição por Prime em Sab Abr 16 2016, 18:13, editado 1 vez(es)


Ver perfil do usuário

90 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Sab Abr 16 2016, 17:48

Gulielmus

O silêncio e a falta de mordedores não lhe parecia um bom sinal, muito pelo contrário, achava aquilo um grande motivo de preocupação. Não gostava nada da ideia de ser pego de surpresa por uma horda, já que a falta de cadáveres próximos a aquele monte de carros abandonados indicava algo de errado. 

─ Talvez a horda da floresta tenha vindo daqui, quem sabe? ─ não acreditava muito nisso, mas mesmo assim comentou com os companheiros, observando junto deles a região. Teve a atenção fisgada por duas construções: o mercado e o bar, além da área residencial, que, apesar de poder ser considerada convidativa, trazia muita desconfiança para Dwayne. Analisou os carros a frente, notando um estacionamento nos fundos do mercado, onde mais veículos jaziam abandonados.

─ Hans... ─ se virou para o homem. ─ ... no momento, você é o responsável pelo nosso meio de transporte, então acho que poderia ficar encarregado de explorar os carros ali na frente. Além das coisas de útil que podem ter, acho que não deve ser muito complicado extrair a gasolina deles com uma mangueira, aposto que daria pra encher uns galões reserva. Lena e Jenny, vocês ajudam ele com isso... ─ todos provavelmente estavam com alguma suspeita da loira depois do que houve no trailer, mas Dwayne achou melhor dá-la alguma função naquilo. Voltou sua atenção pro resto do grupo, anunciando a lógica separação que iria ocorrer para explorar os dois lugares: ─ Pra poupar tempo, vamos nos separar em trios pra explorar os dois lugares ao mesmo tempo. Como o mercado é a maior área pra se cobrir, recomendo que os melhores armados se responsabilizem por ele, mesmo que sair dando tiro com uma horda na nossa cola não seja uma boa ideia. Quando acabarmos a pilhagem, vamos juntar geral e partir pra explorar a área residencial antes de darmos o fora daqui. Vou pro bar, alguém tem alguma opinião? ─ antes de partir para o recinto, Dwayne pediu para que Hans "não tirasse os olhos da novata."



 

Ver perfil do usuário

91 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Sab Abr 16 2016, 20:28

Josh

Flutuava em seus pensamentos enquanto as horas se passavam durante a viagem. O que mais tenho a perder nesse mundo? Refletia consigo mesmo, com um rosto indiferente, porém uma mente bagunçada e destruída. "A vida é apenas um sonho", alguém pouco importante disse. Parece que a minha é um pesadelo, daqueles que você torce para acordar mas nunca consegue. Às vezes encarava o sangue em sua roupa e lembrava-se da irmã. Prometeu a si mesmo que iria protegê-la a todo custo e falhou. Quaisquer esperanças que Kyle tinha sobre esse novo mundo tinham sido despedaçadas. Nada mais restava para ele, nem mesmo uma motivação para continuar vivendo.

Olhou para a sua arma e refletiu sobre sua falta de munição. Quis ajudar Brad e ele morreu. Quis proteger Jill e ela morreu. Quem mais próximo a mim vai precisar morrer? Sem balas e sem nenhum outro tipo de arma, não via como conseguir ajudar o grupo em caso de outra horda. Não queria vê-los mortos, mas agora pouco ligava sobre o que acontecia em seguida. Se morressem seria muito previsível e cômico. Deus, seu senso de humor é estranho.

Quando pararam por falta de gasolina, Kyle desceu e observou a situação do bairro. O pôr do sol estava próximo e o lugar estava vazio. O grupo havia começado a discutir sobre um plano para explorar o local. Dwayne deu algumas sugestões e se ofereceu para ir ao bar.

— Estou praticamente desarmado. Prefiro ir ao bar também - sua voz era fria e fraca, demonstrando o quanto estava morto por dentro. Sua feição facial era calma e oscilava entre tristeza, indiferença e neutralidade. Era quase semelhante a um rosto com muito sono, mas estava bem claro que Kyle já não conseguia ter mais sono. O grupo sabia o que aquela expressão simbolizava. Com braços cruzados e olhar lançado sobre Dwayne apesar de não tão diretamente, o homem se dissolvia no próprio fracasso.




 
Spoiler:

Ver perfil do usuário http://forumgeek.forumeiros.com

92 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Dom Abr 17 2016, 13:02

Luckwearer

Os mordedores sumiram de vista conforme o veículo afastava-se da pequena clareira onde hospedaram-se por um período minúsculo de tempo, alguns tentaram iniciar uma corrida e soltavam ondas de líquido negro misturado com saliva da boca, sedentos por carne humana. Tirou os olhos do passado e focou-se no futuro incerto, indo em direção aos bancos da frente, apoiando-se levemente nos dois e esticando o pescoço para ver mais a frente, notando o desaparecimento das coníferas gradualmente, surgindo o subúrbio da cidade. Durante a saída da floresta, uma discussão entre a mãe e a filha iniciara-se, onde mentiras nojentas foram citadas num certo momento e ao notar as lágrimas surgindo no rosto da menina antes da mesma dormir, franziu o cenho e trocou um olhar com Dwayne, dando outro rápido e disfarçado à mulher.

- Bem, irei com vocês ao bar, além de uma arma caso precisem, também estou louco por uma bebida - disse aos dois que iriam, juntando-se à eles. Antes de iniciarem uma caminhada para lá, virou-se para dar uma olhadela e um sorriso de canto à garotinha.





Ver perfil do usuário

93 Re: Mesa #004 - Made to Suffer em Dom Abr 17 2016, 23:44

Chris

Sawyer passou toda a viagem lendo um livro que havia encontrado no trailer, Watership Down. A obra literária realmente havia o entretido, tanto que só parou de ler quando notara a movimentação do trailer parar. O tal Hans avisara que foi a falta de combustível, eis que o grupo teve de descer. Por sorte o local era um bairro vazio longe da cidade, se tivesse infectados por ali, provavelmente seria um baixo número.

— Pra poupar tempo, vamos nos separar em trios pra explorar os dois lugares ao mesmo tempo. Como o mercado é a maior área pra se cobrir, recomendo que os melhores armados se responsabilizem por ele, mesmo que sair dando tiro com uma horda na nossa cola não seja uma boa ideia. Quando acabarmos a pilhagem, vamos juntar geral e partir pra explorar a área residencial antes de darmos o fora daqui. — disse Dwayne.

— Copiado, chefe. — disse Sawyer, num tom brincalhão devido a posição de liderança que havia caído no negro. — Embora a ideia de ir até o bar pegar umas bebidas seja tentadora, vou até o mercado, tenho certeza que terá algo útil lá. — terminou, se dirigindo até o estabelecimento.



Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 4 de 4]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum