Fórum para discussão de todo o universo Geek: Seriados, filmes, quadrinhos, livros, games e muito mais.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Universo Geek » Filmes » 

Clube do filme: Hardcore Henry

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Clube do filme: Hardcore Henry em Ter Mar 08 2016, 23:56

Jesus Monroe



"Você não se lembra de nada. Principalmente porque você acabou de ser trazido do mundo dos mortos pela sua esposa (Haley Bennett, de The Magnificent Seven). Ela lhe diz que seu nome é Henry e, parabéns, você agora é um ciborgue. Cinco minutos depois, sua esposa é sequestrada e você deve resgatá-la. Quem a capturou? O nome dele é Akan (Danila Kozlovsky). Ele é um megalomaníaco psicótico com poderes telecinéticos e um infinito exército de mercenários. Você não é familiarizado com a cidade de Moscou, nem com a Rússia, e todos te querem morto. Todos, exceto um misterioso camarada britânico chamado Jimmy (Sharlto Copley). Ele pode estar ao seu lado. Boa sorte, Henry. Você vai precisar de muita..."



Rodado inteiramente sob a perspectiva do personagem principal, assim como os jogos de video game de tiro em primeira pessoa, o filme é dirigido pelo cineasta russo Ilya Naishuller, responsável pelos curtas Insane Office Escape e Insane Office Escape 2, que se tornaram virais por conta da mesma perspectiva em primeira pessoa que é vista em Hardcore. Timur Bekmambetov, diretor de O Procurado e Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros, assina a produção executiva do longa-metragem.

O filme começou seu financiamento pelo IndieGoGo e já fez sua estreia no festival de Toronto. Ele chega ao cinemas dos Estados Unidos no dia 8 de abril.

Elenco:
Sharlto Copley, Danila Kozlovsky, Haley Bennett, Andrey Dementyev, Dasha Charusha e Sveta Ustinova.



Parte da crítica do site Bloody Disgusting:

(...) E para um filme chamado Hardcore, ele cumpre a sua promessa. Naishuller explode a audiência com um dos filmes mais sangrentos e violentos da história do cinema, mas consegue mantê-lo divertido (mesmo quando cabeças estão sendo dilaceradas). O único grande problema é que algumas cenas de ação são difíceis de se ver o que acontece, assim como nos filmes da franquia Bourne (pelo menos Naishuller tem uma desculpa).

Hardcore é tanto o passado e o futuro do cinema, mas não irá agradar todo mundo. Ainda assim, o filme é cheio até a borda com momentos "Puta merda", e se isso não fosse suficiente, o desempenho de Copley é tão bom que você não será capaz de parar de falar sobre isso. Minha única esperança é que um grande estúdio pegue os direitos de remake, e coloque Naishuller no mundo do realidade virtual para criar a experiência de ação suprema. (...)
4/5




Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/J.WalkingDead

2 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Seg Jun 27 2016, 21:19

Jesus Monroe

Foi mal pela demora, galera. Segue o (ótimo / insano / colosso / épico) filme da semana para o clube do filme: Hardcore Henry. Recomendo dar uma olhada nesses vídeos de bastidores após assistirem ao longa.

Filmow





Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/J.WalkingDead

3 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Ter Jun 28 2016, 12:07

Gulielmus

Spoiler:
Muito foda! Ação sem parar e clichês pra todo lado, tudo que eu tava esperando. 

Apesar dessa perspectiva em primeira pessoa não ser perfeitamente executada em 100% das cenas, (as vezes dificultando um pouquinho o entendimento), ela teve sucesso no que o diretor quis propor, deu uma personalidade bem original pro longa, trazendo aquele elemento dos games de FPS que te coloca dentro da ação. Talvez isso limite um pouco o alcance do filme, já que toda essa "violência gratuita" e treta sem parar não vá agradar todo mundo. 

É óbvio que a história é prejudicada pela ação desenfreada, mas o plotzinho principal é suficiente pra justificar o filme. Vale destacar o Sharlto Copley com os Jimmy's, que rouba a cena sempre que dá as caras, é um personagem mais hilário que o outro. É incrível como o humor encaixa muito bem em todo esse clima galhofa, me tirou muitas risadas. 

Seria muito bom se os envolvidos nesse filme botassem suas mentes malucas pra trabalhar em um game, certeza que botariam Far Cry no chinelo. 



 

Ver perfil do usuário

4 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Qui Jun 30 2016, 12:30

Prime

Spoiler:
Como apreciador de qualquer coisa em primeira pessoa, meio difícil não curtir. Tem uma pitada de humor que fez toda a diferença, assim como a trilha sonora excelente, pena que o ritmo frenético exigiu que a duração de algumas músicas fosse reduzida. E o ator que interpretou os Jimmy realmente fez um ótimo trabalho - o Jimmy do Exército foi o meu favorito. As sequências de ação foram bem feitas, sem que nada excedesse a surrealidade já imposta pelo filme ou fizesse os inimigos parecerem marionetes irracionais do vilão.



Ver perfil do usuário

5 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Dom Jul 03 2016, 02:15

Odassacarf

Spoiler:
C-A-R-A-L-H-O. Obrigado, Jesus. Estou escrevendo este comentário com um belo sorriso em meu rosto.

Insanamente frenético com cenas de ação memoráveis e comicidade sagaz, o filme cumpriu bem a promessa e divertiu pra caralho. Começando com créditos iniciais agoniantes, o filme passa por diversos cenários com um inquietante escapismo em suas cenas de ação, onde o memorável personagem Jimmy rouba a cena em todas as suas aparições. Já havia gostado muito do trabalho do Sharlto Copley em Distrito 9, mas aqui o cara se superou. Um Jimmy melhor que o outro. Particularmente, o motoqueiro e o punk foram os meus favoritos.

A perspectiva em primeira pessoa funcionou comigo. Ao contrário de alguns comentários que li, não deu dor de cabeça ou algum outro problema. Claro que em determinados momentos as cenas ficaram minimamente confusas, mas mais pela complexidade de tudo o que estava acontecendo e não pela perspectiva em si.

O único problema que eu tive com o filme foi no ato final, em toda aquela sequência do Henry contra o mini-exército de 209348209834 supersoldados. Achei o ambiente claustrofóbico demais para o Henry sair dali inteiro. Mas, após ele entrar na sala de armas e começar a atirar ao som de Queen, eu comecei a rir e a adentrar mais ainda à diversão.

E, se não bastasse, o Henry ainda me faz a porra de uma parada que... né. Arranca o olho e estrangula o vilão com uma espécie de 'fio de conexão' (?) :grin: :grin: :grin: :grin: :grin: :grin: :grin: :grin: :grin:

Puta que me pariu, filme sensacional. Estou vendo aqui que está dividindo a opinião da galera, só espero que mais pessoas o vejam. O filme, obviamente, é um presente aos amantes de FPS. Foi bacana ver algumas armas icônicas dos jogos.



Ver perfil do usuário

6 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Dom Jul 03 2016, 23:41

Chris

Spoiler:
Gostei do filme, achei que o fato dele ser em primeira pessoa ser uma experiência audiovisual nova para mim eu iria estranhar, mas acabei gostando e achando impecável na maior parte do longa. A ação é tão bem aplicada no filme que acaba por fazer com que não exigíssemos tanto da história e do aprofundamento dos personagens, logo acabamos tolerando a premissa simples. E assim como todo mundo, achei os Jimmy's foda pra caralho, também achei o mais foda o do exército.

Só achei que a câmera em primeira pessoa, assim como trouxe uma experiência nova e agradante para mim, falha em algumas cenas de ação que acabam por ficarem confusas, mas fora isso, o filme é muito divertido e vale a pena assistir.



Ver perfil do usuário

7 Re: Clube do filme: Hardcore Henry em Seg Jul 11 2016, 15:49

Dwight

Não imaginei que seria tão legal.

Esperava um compilado de cenas de ação com uma história básica, mas não. Eu realmente achei a trama interessante, instigante até, e a forma contínua que se desenrola passa realmente a sensação de se estar jogando um Call of Duty, só que melhor e mais pirado. (E que sabe usar "zumbis"). Aquela cena em que ele entra no prédio escondido me fez desejar que façam um filme bom do Hitman. Ben Affleck Boladão

POVs é algo que estamos acostumados, seja em FPS's ou na indústria pornô, mas óbvio que num filme assim seria algo novo. Em alguns momentos é genial, em outros, cansa. Tenho certeza que se o diretor optasse por uma alternação de câmeras entre primeira e terceira pessoa tornaria o filme muito mais acessível, mas entendo que fugiria da proposta. Mesmo que em alguns momentos seja confuso e até absurdo (esse, propositalmente, a intenção de emular um vídeo-game é clara), a direção do filme é excepcional, por vários momentos fiquei me perguntando como caralhos ele fez aquela porra toda. A imersão é tão grande que na cena em que ele cai do helicóptero, pra alguém que tem cagaço de altura, dá pra sentir um ensaio de vertigem.

A melhor parte do filme, como disseram, é quando o Henry entra na casa do Jimmy e vira uma puta viagem sci-fi, personagem foda e usado genialmente na trama, (Ri pra porra com o "desviei bem da bala" :grin:) seguido pela melhor cena de ação no prédio abandonado. Na última luta achei que a parada ficou confusa e até frenética de mais em alguns momentos, mas curti a revelação final e o desfecho do filme. Só não entendi porque caralhos o vilão tinha superpoderes, mas eles não se preocuparam muito em se aprofundar nesse lado.

Mortes criativas, ação bem dirigida, sangue e membros voando, peito redondinhos, pessoas morrendo queimadas, tem que ser muito infeliz pra não gostar desse filme. 4/5 com satisfação, aspira.



Ver perfil do usuário http://filmow.com/usuario/lamb

Conteúdo patrocinado



Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum